Skip to content

Pra não dizer que só falei de moda…

28 de janeiro de 2011
by

A gente sabe que a partir de hoje, um dos assuntos mais discutidos será a SPFW. Pra não enjoar do assunto, resolvi fazer um post quase fashionless, sobre um artista incrível, Cyril Hatt.

Conheci a obra em 2008 por acaso, numa pequena galeria no Marais, em Paris. De fora, pensei: “quem é esse cara que expõe calcinhas, cuecas e uma camiseta dos Rolling Stones?”. Daí entrei na galeria e vi: não se tratavam dos objetos de fato, mas de esculturas de papel representando os tais objetos. Incrível!

Mais que tromp l’oeil, Hatt engana o espectador, que acredita estar na frente de um monte de pares de tênis de todos os tipos e marcas. De um violão destruído dentro de seu case. De uma moto. De um trem! Mas isso tudo não passa de uma ilusão feita de de quilos e quilos de papéis minuciosamente impressos e estrategicamente recortados e amassados.

Desde já, alerto: não se confundam, são “apenas” esculturas!

No comments yet

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: