Skip to content

import/export, de Katrin Ströbel

21 de março de 2011
by

Durante as feiras de arte de Nova York, algumas de obras me chamaram mais a atenção. import/export, da alemã Katrin Ströbel, por exemplo, ficou na minha cabeça por dias e dias. Me deparei com estes sacos plásticos coloridos pendurados na parede, cada um levando consigo um grafismo diferente e imediatamente me encantei. Pensei que a ideia de usar como canvas este elemento tão corriqueiro que é o saco plástico, mas que se tornou uma espécie de bastião do ecologicamente incorreto, é muito inteligente. Ao mesmo tempo que o saco plástico continua a ser utilizado no dia-a-dia, é um objeto em voga, tão discutido, tão alçado a uma importância jamais alcançada…

Daí que a inspiração para os desenhos de cada um dos 121 sacos plásticos, Katrin Ströbel tirou de sua estada na Cité Internationale des Arts, em Paris. Durante seis meses, a artista conheceu imigrantes de todos os cantos do mundo, seus dramas, suas vidas e, sobretudo, a influência que eles exercem sobre o cotidiano da capital francesa. import/export trata de um assunto corriqueiro elevado ao status de obra de arte pintado em uma superfície igualmente banal mas que, dentro do Volta NY captou olhares certamente interessados.

No comments yet

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: